Figura do suplente não será ‘extinta’. Fica como está

No bojo da reforma política, a figura do suplente de senador deverá ser mantida, conforme aprovação por 16 votos favoráveis e 10 contrários. Passou na Comissão Especial que analisa as mudanças e assim permanecerá quando da apreciação em plenário.

“Exterminar” o suplente era uma aspiração antiga. Não deu certo, então vai ter que conviver com eles, dois para cada dos 81 senadores titulares do mandato, o primeiro e segundo suplente. Havia uma idéia interessante, mas rejeitada de pronto.

Qual a idéia: transformar em suplente o candidato a deputada federal que ocupasse o primeiro lugar na lista preordenada do partido do titular do mandato. Não deram espaço nem para uma discussão ampla acerca do assunto.