Sem apoio do Governo RC, prefeitos recorrem a Brasília

Carentes de ajuda do governo estadual, os prefeitos paraibanos estão recorrendo a Brasília em busca de apoio da União. Se queixam de pouco acesso ao Palácio da Redenção e não vêem outra solução a não ser bater à porta do Planalto. Neste sentido, procuram os parlamentares da bancada federal em busca de uma mãozinha.

O prefeito Romero Rodrigues (PSDB) serviu de guia dos colegas Mylton Marques (Aroeiras-PSDB), Renato Mendes (Alhandra-DEM), Zé Carlos (Água Branca-PSDB) e Dilson (Didi) Almeida (Desterro-PR), além do ex-deputado Dinaldo Wanderley (PSDB), que representou o filho prefeito Dinaldinho Wanderley (Patos-PSDB).

Eles foram recebidos pelo senador Cássio Cunha Lima (PSDB) no gabinete da vice-presidência do Senado Federal. Na agenda, uma reivindicação comum entre os prefeitos: definição das emendas, dentro da cota a que tem direito o tucano.

Ouviram uma boa notícia do senador, que assegurou: “De nossa parte, não haverá problema algum”. Deixou claro apoio a solicitação dos prefeitos no encaminhamento do que eles consideram mais prioritário para investimentos em suas respectivas cidades.